domingo, 22 de julho de 2012

O Décimo Oitavo Chifre

O meu décimo oitavo chifre aconteceu 20/07, ela esta fazendo umas aulas
teorias de Auto Escola, então ela sai as 22:00, ai antes de sair da
aula, ela me mandou uma mensagem que iria rolar mais um chifre a pos a
aula, e assim ela chegou em casa quase onze horas, e fomos para cama
onde eu tirei sua roupa, e cheirei toda sua bucetinha, so cheirei, pois
ela não me deixou nem beijar, ela havia dado para o cara pela primeira
vez em um quartinho com um colchão no chão, e ela me disse que dessa vez
foi diferente, pois ele pode a comer muito melhor me disse que meteu com
ela de ladinho e depois de quatro, meteu com força e dando tapa na sua
bunda, meteu tanto que ela chegou super cansada e querendo dormir e tive
que bater uma sozinho desta vez, mas a cada chifre que ela me coloca,
ela fica mais puta e quer mais o pau dele e menos o meu, ela deu para
ele três vezes em duas semanas, e eu quero mais, minha meta e dois por
semana com ele, e mais dois quinzenais por outros machos avulsos, mas
isso já e com ela, vamos torcer para que ela fique mais e mais vagabunda.

O Décimo Sétimo Chifre

Foi sábado dia 13/07/12, apenas 5 dias após o 16°, ela saiu exatamente
as 21:02, e voltou as dês e pouco, segundo ela foi a melhor foda de
todas, o cara meteu com força do jeito que minha puta gosta e eu não
faço, socou o pau na buceta dela por no mínimo uns 40 minuto sem parar
ou diminuir o ritmo, igual a um filme porno, mas desta vez eles usaram
camisinha, apesar de ter começado sem, o macho mordeu seus seios todo,
que ela nem me deixou chupar, so pude cheirar, pois estava doendo, a sua
bucetinha ela não queria me dar, estava literalmente acabada, cansada e
super satisfeita, ai eu cheirei e chupei sua buceta, para refrescar e e
claro sentir o gosto do macho nela, depois deitei ao lado dela e ela
onde ela contou todos os mínimos detalhes no meu ouvido e passando a
mão no meu minúsculo peruzinho, depois de muito insistir ela me deixou
enviar meu pauzinho na sua buceta arrombada pelo pauzão do amante, mas
so poderia colocar o pinto e gozar, não poderia meter nela, pois a sua
buceta estava ardendo, apesar de ela deixar bem claro que não parecia
que tinha pinto nela, e sim um dedinho mindinho, então fiz do jeito que
ela deixou, enviei e quanto estava tudo dentro, ela me disse: JA COLOCOU
TUDO CORNINHO, POIS ESSA COISINHA NÃO CHEGA NEM AOS PÉS DA CABECINHA DO
PINTO DELE, AGORA FAÇA O QUE EU MANDEI E GOZE. então eu gozei sem nem
mesmo mexer o pinto nela, simplesmente coloquei e gozei, e o mais
interessante e que isso durou menos de 5 segundos e antes dela terminar
a frase eu já estava terminado de derramar o meu pouco leitinho ralo e
sem graça, e assim termina mais um chifre que ela me coloca, e pelo
jeito ela não tem intenção de parar de dar para esse amante que já a
comeu 17 vezes depois que ela estava comigo, mais estou sempre dizendo a
ela para não ficar so na mão dele, digo a ela para manter ele como
amante fixo, e arrumar pelo menos mais um avulso, pois nem sempre ele
pode comer ela, e assim ela fica tendo sempre mais uma carta na manga ou
melhor na calcinha.

O Décimo Sexto Chifre

foi no dia 09/07 ela saiu de casa mais ou menos as 21:00 e voltou uma
hora depois, encontrei ela na garagem onde me contou que ele meteu sem
caminha e gozou encima de seu umbigo, mas ela teve que limpar para poder
vim embora, e mandou eu cheirar para ver se estava com cheiro de macho
ainda, e eu além de cheirar beijei e lambi toda sua barriguinha de
esposa puta com o maior orgulho de ter uma esposa gostosa e dedicada, e
agradeço a ela em me aceitar como seu marido, mesmo não tendo as
características de uma macho de verdade.