quarta-feira, 7 de novembro de 2012

O Vigésimo Nono Chifre

hoje dia 06/11/12, Ela saiu as 22:37, para se encontrar com seu amante
fixo, desta vez ela resolveu o surpreender, se maquiou vestiu um
vestidinho preto tomara que caia soltinho, e sem usar calcinha, e ainda
foi de moto, além de levar um óleo para passar na bucetinha para ela
ficar mais quente do que já e e me mandou passar um pouquinho no meu
pintinho, para ver se realmente funcionava, ela antes de sair falou no
meu ouvido: SEU IDIOTA, SEU CORNO, TO SAINDO SEM CALCINHA PARA DAR A
BUCETA BEM GOSTOSO, SEU CORNO. ai ela saiu e so voltou as 23:53, a
encontrei na garagem, já fui passando a mão na sua bundinha e me
ajoelhando aos seus pés e levantando seu vestido e admirando sua
bucetinha, fomos para o quarto, e nos deitamos onde ela foi me contando
os detalhes, ela me disse que foram chegando no quartinho e sentaram no
colchonete e começaram a se beijar e ele foi passando a mão na sua
cintura e foi descendo, passando a mão na sua coxa, tentando sentir sua
calcinha, voltou passando a mão por debaixo do vestido, e quando viu que
não tinha nada, perguntou a ela cadê sua calcinha, e ela disse que
estava sem, e ele ficou doido de tesão, disse que ela era doida, ai ela
tirou toda a roupa dele e ficaram se beijando e ele colocou o dedo na
dentro da sua bucetinha e ficou mexendo, e ela ainda me disse que o dedo
dele e mais gostoso que meu cacetinho de nada, depois ele deitou no
colchonete de barriga para cima e ela sentou na pica dele e começou a
rebolar como so ela sabe, como ele estava com muito tesão, ele teve que
segurar ela impedindo que ela rebolasse e depois a soltou deixando ela
rebolar mais um pouquinho, ai ele tirou o pau e chegou a gozar um
pouquinho, e depois ela voltou a rebolar gostoso, ai ele a deitou de
barriguinha para cima e colocou as pernas dela no ombro dele deixando
sua bucetinha gostosa totalmente a exposição do cacetão dele, e ai como
ela mesmo me disse, MO AI ELE METEU VIU, COMEU GOSTOSO DE MAIS, e foi
assim por cerca de uns 40 minutos ate ele gozar na sua barriguinha,
sujando de porra seu umbiguinho e sua tatuagem, após isso eles se
limparam e foram embora, e já em casa ela me mandou cheirar e lamber
para ver se ainda tinha gostinho de leite, foi maravilhoso, delicioso e
com um gostinho que so quem já provou leitinho de macho sabe do que
estou falando, depois disso eu cheirei toda sua bucetinha que estava com
um cheiro de pau danado, e depois eu a tentei comer mesmo sem ela
deixar, coloquei meu pau na portinha da bucetinha dela, e ela me xingou,
mas disse que queria somente encostar nela, comecei a forçar e meu
pintinho estava quase entrando, quando ela me deu um tapa na cara e me
disse para tirar esse pauzinho ridículo da buceta dela, eu quase gozei
nessa hora, fiquei com tanto tesão que não resisti e tive que obedecer,
ai ela me deu um monte de tapa na bunda e nos fomos para o banheiro, eu
me ajoelhei no chão igual a um cachorrinho frouxo, e ela me disse que
iria contar para uma amiga dela, que além de eu ser chifrudo tinha
salsichinha, e que iria dar para um policial que estava dando mole para
ela e iria contar os detalhes para sua amiga, e que provavelmente ela
iria contar para uma outra amiga e que eu iria ficam com a maior fama de
corno entre as amigas dela.

2 comentários:

  1. que delicia de puta adoraria meter a vara e gozar gostoso no utero dessa puta!!

    ResponderExcluir
  2. Pô, seus relatos são um tesão! Adoro os detalhes!

    ResponderExcluir